Você está aqui: Página Inicial / Vereadores aprovam projetos de suplementação

Vereadores aprovam projetos de suplementação

por Assessoria de Comunicação última modificação 09/04/2019 14h08

Recursos são destinados às secretarias de Saúde, Cidadania e Obras

Em sessão ordinária realizada na noite de segunda-feira (08), na Câmara Municipal de Capão da Canoa, os vereadores aprovaram por unanimidade os Projetos de Lei Ordinária nºs 010, 019, 020, 021 e 024/2019. As matérias tratam de suplementação para as secretarias municipais e gabinete do prefeito.

A pauta contou ainda com os Pedidos de Providência n°s 057, 058, 059/2019 de autoria do vereador Atilar Júnior (PDT). O Pedido de Providência n° 060/2019 de autoria do vereador Santana do Gás (PSB). Os Pedidos de Providência n°s 061, 062 e 063/2019 de autoria da vereadora Juliana Martin (MDB). E as Mensagens Retificativas n° 001/2019 ao Projeto de Lei Ordinária n° 148/2018 e a Mensagem Retificativa n° 002/2019 ao Projeto de Lei Ordinária n° 153/2018. Ambos de autoria do Executivo Municipal.

Na tribuna, o vereador Flávio Lara (PSB) comentou sobre a reunião que ele e o vereador Pardal (PDT) tiveram com a Secretaria de Turismo e a EMATER, na última semana. A reunião tratou da demarcação das áreas de pesca e surf no município, as quais precisam ser ajustadas segundo os vereadores. Lara também questionou o Executivo sobre a lagoa, visto que a entrada para a população vem sendo proibida desde 2018.

O vereador Atilar Júnior (PDT) disse que o Executivo está cometendo mais uma irresponsabilidade com a não realização do Capão Fest. O maior evento do município, responsável por atrair milhares de turistas na Páscoa. Segundo o vereador, é lamentável a falta de planejamento do Executivo.

O vereador Marino Machado (PTB) também comentou sobre a área da lagoa e afirmou que a população tem acesso, e que os investimentos que lá serão feitos são necessários.

Quanto ao andamento dos trabalhos da Câmara, o vereador Otávio Teixeira (PSDB) disse que a discussão sadia dos projetos faz parte da rotina dos vereadores e isso reflete para o bem da comunidade.

A vereadora Juliana Martin (MDB) assim como o vereador Atilar disse que a falta de planejamento e responsabilidade do Executivo em relação aos eventos do município, prejudicam o sucesso dos mesmos.

Por fim, a presidente da Câmara, vereadora Lavina Dias de Souza (Professora Lavina - PDT), avaliou o descaso do Executivo com os eventos do calendário oficial. Para que a Feira do Livro seja realizada neste ano, o Legislativo irá repassar recursos para a Secretaria de Turismo, Indústria e Comércio, visto o valor cultural do evento para a comunidade. Quanto a sujeira nos bairros e entornos das escolas, a vereadora informou que a empresa responsável pelo Ecoponto está sendo licitada. Lamentou o desinteresse do Executivo pelo CEACRIA e convidou a comunidade para participar do Rodeio Crioulo, que acontece de 11 a 14 de abril, no CTG João Sobrinho.

Todos os parlamentares saudaram a população pelo 37° aniversário de emancipação político-administrativa de Capão da Canoa, que será comemorado na sexta-feira (12).

Seguindo a ordem do dia, os Projetos de Lei Ordinária n°s 010, 019, 020, 021 e 024/2019 foram aprovados por unanimidade.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Os comentários são moderados